IGNOTI NULLA CUPIDO – "Ninguém ama o que não conhece". (Ovídio – poeta romano)

Monthly Archives: Abril 2012

Queremos alertar os leitores sobre algumas coisas que notamos durante a nossa caminhada e que estão se espalhando tão rápido quanto fogo em palha seca: as armadilhas que estão sendo armadas por aí e que estão pegando muitos de nossos irmãos. Todo o problema mora no fato de que algumas pessoas estão se utilizando do nome “católicos” por aí afora, principalmente na internet, e pregando doutrinas completamente contrárias às Doutrinas que a Santa Igreja prega. Alguns exemplos desses inimigos de nossa fé são:

Católicas Direito de Decidir (CDD): Grupo fundado em 1970 nos Estados Unidos para protestar contra a Igreja Católica, que se declarou contrária a uma lei abortista em Nova York, que circula com força total na internet, em especial no Facebook e, apesar de utilizar o nome “católicas”, faz apologia a doutrinas como o aborto e a união de pessoas do mesmo sexo. Católicos de verdade não pregam tais coisas e esse grupo está manchando a nossa imagem;

Igreja Católica Carismática: não confunda essa igreja com a Renovação Carismática Católica (RCC), pois não são a mesma coisa. Essa seita, apesar de se dizer fiel aos ensinamentos do Papa e as Sagrada Tradição, causa, através dos artigos que são publicados em seu site, uma confusão doutrinária imensa! Alguns artigos são fielmente contra o celibato, chegando a dizer que isso é coisa do demônio, outros são a favor da prática e existem, ainda, artigos que aprovam a comunicação com os mortos (não oração aos mortos, que é totalmente diferente, mas a comunicação tipo conversa mesmo! Estão pregando o espiritismo dentro de um site que se diz Católico!);

Teologia da Libertação: Implantada no Brasil por Leonardo Boff, essa ideologia prega um Deus completamente relativo, ou seja, ao invés da humanidade se adequar a Deus, Deus é que se adéqua a humanidade. Deus deixa de ser transcendental para ser um mero agente histórico. Trocando em miúdos, se a sociedade muda seus ideais, Deus também muda com a sociedade. Deus é imutável, justamente por ser perfeito! Existe lógica em querer mudar o que é perfeito? Existe, se for uma mudança para pior! Deus não é um ser relativo, Ele é absoluto! Ele é a fonte da Verdade e a Verdade é uma só, e a Verdade não muda! Nós é que temos que segui-lO e não o contrário. Além disso esse pessoal diz que nenhum dos milagres de Jesus foram reais, é tudo simbologia! Jesus é um simples homem histórico! E por que os católicos precisam se preocupar com isso? Pelo fato de que esse movimento se infiltrou na Igreja Católica e muitas pessoas, inclusive padres, seguem essa ideologia! Lembrem-se de que a Teologia da Libertação foi declarada heresia pela Santa Igreja. Ela é o marxismo (socialismo/comunismo) infiltrado na Igreja. Cuidado para não se influenciar!

Esses são só alguns exemplos, mas provavelmente existem mais espalhados por aí, principalmente na internet, então fiquem ligados. Alguém pode estar se perguntando como fazer para identificar essas armadilhas. As dicas que damos são:

  1. Procure informações com outras pessoas. Existem companheiros de caminhada que conhecem bastante a respeito de sites e movimentos que são ruins para a nossa fé e é sempre bom trocar esse tipo de informação;
  2. Estudem a Doutrina Católica Apostólica Romana! Conhecendo os ensinamentos da Igreja fica fácil identificar quando algum site ensinar algo que é contrário a fé.

Sem mais no momento, nos despedimos.

Fiquem com Deus e que Maria os guie pelo caminho que leva a Jesus!


Em muitas ocasiões nós, católicos, somos pegos de surpresa por questionamentos que quase sempre nos tiram o sono. Muitos destes questionamentos vêm repletos de argumentos científicos, lógicos e “racionais” para tentar nos convencer de que o que pregamos é errado e que a resposta para tudo pode ser encontrada na ciência, filosofia, antropologia, sociologia, etc. Se dermos ouvido a esses questionamentos corremos o risco de fazer com que Deus e todos os Seus ensinamentos sejam simplesmente jogados no lixo em troca de uma doutrina meramente humana.

Por outro lado, não precisamos apenas ceder ou calar diante desses questionamentos e dúvidas. Muito pelo contrário! Dúvidas existem para serem respondidas. É necessário pesquisar, aprender e obter respostas.

Na maioria das vezes, quando não são os cientistas céticos, são nossos irmãos separados que tentam implantar esses pensamentos nas nossas cabeças. De maneira sutil ou mesmo bruta, eles chegam com suas “incríveis” interpretações bíblicas que negam tudo aquilo que nós acreditamos, transformando a Bíblia em um livro auto-suficiente de fácil interpretação tal como um livro de histórias qualquer.

O pior de tudo é quando vemos nossos irmãos de caminhada cedendo a esses argumentos mirabolantes para se juntar a uma seita que não tem mais que quinhentos anos de história ou, o que é pior, abandonando completamente a fé, tornando-se ateus.

Mas por que isso ocorre? A resposta é simples: muitos desses irmãos que simplesmente cedem aos questionamentos não têm um conhecimento profundo de nossas Doutrinas e não procuram entender o porquê de a Santa Igreja pregar esse ou aquele ensinamento, não por falta de interesse, mas porque acabam buscando informações em fontes que não são as mais apropriadas.

Nada de se esconder atrás das dúvidas, combinado?!

É por isso que queremos começar este blog inaugurando nossas postagens com a indicação de alguns dos locais mais adequados para que possamos tirar nossas dúvidas a respeito de Deus, da Santa Igreja Católica e dos seus princípios, conceitos e dogmas. Locais que podemos considerar como confiáveis, onde seus autores não apenas se utilizam da fé, mas também apresentam motivos racionais e comprovações científicas para acreditarmos em Deus!

Bom, então aí vai:

Como nós católicos também somos cristãos e seguimos o Evangelho, a primeira fonte que devemos ter em mente é a BÍBLIA! Todo católico precisa ler a Bíblia, pois ela nos conta toda a história do povo de Deus, a relação desse povo com o Nosso Senhor, transmitindo, através de textos com os mais variados estilos literários, grande parte dos ensinamentos necessários para que possamos seguir a nossa caminhada. Mas por que eu estou falando em grande parte? Quer dizer que a Bíblia não possui todo o ensinamento de Deus? Vamos deixar que as próprias Sagradas Escrituras respondam a essa pergunta:

      “Fez Jesus, na presença dos seus discípulos, ainda muitos outros milagres que não estão escritos neste livro” (São João 20:30)

      “Jesus fez ainda muitas outras coisas. Se fossem escritas uma por uma, penso que nem o mundo inteiro poderia conter os livros que se deveriam escrever” (São João 21:25)

      “Apesar de ter mais coisas que vos escrever, não o quis fazer com papel e tinta, mas espero estar entre vós e conversar de viva voz, para que a vossa alegria seja perfeita” (II João 1:12)

      “Tinha muitas coisas para te escrever, mas não quero fazê-lo com tinta e pena. Espero ir ver-te em breve e então falaremos de viva voz” (III João 1:14-15)

Como é fácil de notar acima, nem tudo foi escrito nas Sagradas Escrituras, mas parte dos ensinamentos foi transmitido de viva voz. É aí que vocês podem se perguntar “então como vamos saber os demais ensinamentos?”. É aí que entra a SAGRADA TRADIÇÃO, que engloba todos os ensinamentos e costumes que não foram escritos nos textos sagrados, mas que foram transmitidos durante os séculos de forma regular e confiável pelos apóstolos e seus sucessores até os dias de hoje.

Se fizermos uma análise mais crítica veremos que a Bíblia é fruto da Sagrada Tradição, pois o que serviu de base para determinar quais livros eram fiéis à história do povo de Deus foi a tradição apostólica. O próprio São Paulo, em sua segunda carta aos Tessalonicenses, capítulo 2, versículo 15, defende a Tradição ao dizer “Assim, pois, irmãos, ficai firmes e conservai os ensinamentos que de nós aprendestes, seja por palavras, seja por carta nossa”.

Por último e não menos importante temos o chamado MAGISTÉRIO DA IGREJA CATÓLICA, que representa a missão e a responsabilidade dada por Jesus aos apóstolos de ensinar o Evangelho a toda criatura (São Marcos 16:15). Essa missão é confirmada quando São Pedro diz “Irmãos, vós sabeis que já há muito tempo Deus me escolheu dentre vós, para que da minha boca os pagãos ouvissem a palavra do Evangelho e cressem” (Atos dos Apóstolos 15:7).

Aí você pergunta “onde eu encontro os ensinamentos do Magistério?” e nós respondemos “No Catecismo da Igreja Católica”. Lá você encontrará os ensinamentos a respeito de toda a nossa doutrina! Além dele, podemos citar os Concílios, que representam as reuniões realizadas entre todas as autoridades eclesiais com o intuito de decidir sobre questões que envolvem a fé e moral, resultando em documentos doutrinários e dignos de obediência, as Encíclicas Papais, que são cartas escritas pelo Papa com o intuito de reforçar doutrinas da Igreja, o Código de Direito Canônico, que é o conjunto de leis que disciplinam a vida do cristão e dos sacerdotes da Igreja, definindo inclusive os casos dignos de punição e as penas para os fiéis que transgridem alguma lei, como, por exemplo, quais os casos que resultam em excomunhão, entre outros documentos, todos com o mesmo intuito: ensinar a Doutrina que Cristo passou para os apóstolos e que estes ficaram de nos ensinar.

Portanto, para que um ensinamento esteja de acordo com o que a Santa Igreja aceita, ele deve passar pelo crivo dessas três fontes: Sagradas Escrituras, Sagrada Tradição e Magistério.

Para finalizar, listamos abaixo alguns sites que garantimos que são confiáveis, pois são mantidos por pessoas ou organizações seguidoras da Igreja Católica Apostólica Romana e estão de acordo com o corpo doutrinário desta igreja:

Veritatis Splendor: www.veritatis.com.br (O site tem por fundador o professor Alessandro Lima, ex-protestante que, ao se converter, tornou-se um estudioso e um dos maiores defensores da fé católica do Brasil. O mesmo também é autor de livros e diversos artigos a respeito da nossa Igreja)

Christo Nihil Praeponere: padrepauloricardo.org (Padre Paulo Ricardo faz parte da arquidiocese de Cuiabá e é um grande defensor da nossa Doutrina. Possui dois programas na web que são postados semanalmente em seu site, o “Resposta Católica”, onde responde perguntas de seus alunos seminaristas, e o “Parresía”, onde o padre leva a cada programa um tema diferente para ser discutido. Ele também é um convidado de honra do canal Canção Nova, fazendo participações em programas, como por exemplo o “Escola da Fé”, apresentado pelo professor Felipe Aquino)

Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB): www.cnbb.org.br

Bíblia Católica Online: www.bibliacatolica.com.br (Site onde você encontra várias versões da Bíblia católica, além de possuir uma seção exclusiva que conta de forma resumida a história da Igreja Católica. Lá você também terá a disposição um link para o blog mantido pelo site com diversos artigos que ensinam a nossa Doutrina)

A Santa Sé: www.vatican.va (Site oficial do Vaticano. Ele possui uma versão em português)

Santaigreja (Portal e canal no Youtube): santaigreja.com , www.youtube.com/santaigreja (portal com diversos vídeos ensinando sobre os mais variados temas relacionados com a nossa fé)

Tudo o que for publicado aqui terá como base textos que se enquadrem nos requisitos descritos acima.

Esses são apenas alguns exemplos de sites na internet que podem ser pesquisados, porém existem muitos outros à nossa disposição. Porém devemos sempre tomar cuidado ao encontrar uma nova fonte, pois muitos grupos que se denominam católicos na verdade pregam doutrinas condenadas como heresias pela Igreja e que devem ser evitados. Por isso sempre procure informações de pessoas que você confie a respeito do que você está lendo para não cair nas mais diversas armadilhas que estão espalhadas pela internet.

Fiquem com Deus e que Maria os guie pelo caminho que leva a Jesus!


Imagem de perfil

Inicialmente, temos apenas perguntas. Em breve, respostas.



%d bloggers like this: